O que a Luiza Helena Trajano e a Irmã Dulce têm em comum?

/
Em um final de semana deste mês, enquanto lia (nos poucos espaços de tempo que me sobram...) tive uma inspiração. Conectei três notícias que li e que, em princípio, nada tinham a ver a uma com a outra. Vou contar para vocês e espero que gostem da minha reflexão.

O DESAFIO DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL EM EMPRESAS TRADICIONAIS

/
Se pensarmos nos principais desafios enfrentados pelas organizações quando o assunto é transformação digital, é natural buscar respostas no senso comum:

Um mais um é mais do que dois

/
O setor bancário nunca foi uma atividade trivial. Nem antes…

Democracia na aprendizagem

/
Somos adultos, portanto temos a responsabilidade de nossa própria formação. Para fazer isso, precisamos democratizar a aprendizagem. Facilitar o acesso. Que todas as pessoas possam acessar e que elas tenham as habilidades e as facilidades de selecionar e escolher.

Os direcionadores da saúde: Tratar doenças ou cuidar de pessoas?

/
O setor da saúde no Brasil é, sem dúvidas, um setor do futuro! O aumento da expectativa de vida, vinculado à enorme adesão de hospitais, clínicas e laboratórios médicos a novas tecnologias, tem garantido a esse segmento uma posição de destaque.

V Centenário da Volta ao Mundo de Magallanes e Elcano: um dos primeiros exemplos da Globalização

/
Por incrível que pareça esta história é baseada em fatos reais: uma expedição de 5 navios e 256 homens, dos quais retornaram apenas 18, e que marcaram um antes e um depois na maneira de compreender o mundo. Uma viagem de 3 longos anos que mostra a capacidade de resiliência do ser humano e sua ânsia de descobrir e aprender sobre o que nos rodeia; e isso nos ensina que não devemos desanimar com as barreiras e sim, seguir sempre em frente.

Um lançamento de sucesso: criando a melhor equipe para o melhor tratamento

/
Quantas vezes em sua vida você se viu diante do lançamento de um tratamento que pode mudar a vida dos pacientes? Um tratamento para conquistar o mercado de patologia, por sua eficácia e segurança, e para fazer a empresa ganhar competitividade em um novo mercado.

CRM como alavanca de Aprendizagem

/
Atualmente toda atividade comercial deixa uma “pegada digital”, desde um cliente que entra na web para consultar uma informação sobre um produto, até uma conversa com um vendedor ou uma demanda de serviço. Este volume de informação, disponível no CRM, pode nos ajudar, desde que interpretado de forma inteligente, a definir perfis de sucesso e antecipar comportamentos de compra.

Como desenvolver equipes de vendas “Ágiles”

/
Atualmente, o trabalho da equipe comercial é realizado em torno daquelas ligações “frias” aos possíveis clientes ou do uso de planilhas de cálculo para registrar as preferências que um consumidor demonstra ao comercial que atua na sua região. Os clientes demandam informação e atenção personalizada e permanente. Isto é, que as empresas se coloquem em contato com eles no momento em que o cliente precisa e que respondam às suas solicitações de modo ágil.

Learning Strategy: decidindo hoje como vamos aprender amanhã

/
Por que as organizações querem definir sua Learning Strategy? A resposta é contundente: porque necessitam estar preparadas hoje para enfrentar os desafios de amanhã. Definir a Learning Strategy em uma organização permite visualizar o mercado, o setor e a própria organização com visão de futuro. Esta reflexão proporciona um modelo que converte a aprendizagem nas organizações como uma alavanca estratégica da empresa.

Em busca de uma experiência de aprendizagem ideal

/
Levamos vários anos tratando de fomentar uma cultura de autoaprendizagem em nossas Organizações e animando a nossa gente a corresponsabilidade nessa formação. Por esta razão, a ideia de desenhar nossa própria “Learner Experience” tem a premissa de que todos nós fazemos de forma mais fácil àquilo que mais gostamos.

A experiência... Dar prioridade ao que importa de verdade

/
Há alguns dias participei de uma comemoração especial de um amigo. Aquele tipo de amigo com quem a relação é realmente autêntica. Quando lhe entreguei meu presente, ele o abriu e sua expressão transmitiu perfeitamente tudo o que sentia. Depois de me dar um forte abraço, ele me disse: “Olha, me dei conta de que ultimamente você tem substituído os presentes materiais por experiências”.